“Como otimizar o ato de estudar”Por Julio Augusto Veiga/ Educador Matemática e Física

Há uma falsa idéia, presente há décadas, de que estudar com aproveitamento, seria estudar por longas e longas horas. Bem, cada estudante tem seu ritmo. Porém, nem sempre quantidade “anda de mãos dadas” com qualidade.

É muito importante que o jovem tenha o estudo como um hábito diário em sua rotina. Que isso seja realmente incorporado à sua vida. O local onde se irá estudar deve ser confortável, arejado, silencioso e de preferência com nada que distraia a atenção.

Deve-se desligar e fica distante de telefones celulares, mídias sociais e televisores, de forma geral.

Estudo requer concentração e disciplina e isso precisa ser conquistado diariamente. Após uma hora ininterrupta, o cérebro já começa a dar sinais de cansaço, principalmente, se o estudante está em contacto com matérias de ciências exatas, que exigem muito cálculo e atenção.

Por isso, faça pausas de alguns minutos, ingira algo leve, como frutas ou sucos e evite músicas ou atividades muito excitantes nesses intervalos. Terminada a pausa, volte aos estudos! E melhor ainda: revigorado!

Com essas pequenas mudanças, o estudante verá que poderá dispender menos horas de estudo, todavia com uma qualidade notável.

modaestilo-1Colaborador Educador Matemática- Física / Julio Augusto

Deixe uma resposta