Se existem coisas que eu não sei? Sim!!! Muitas..

Ultimamente tenho usado uma frase muito impactante no atendimento clínico com as crianças…

Com frequência, tenho falado: “Nossa, eu não sei!”

A carinha de espanto deles é apaixonante… Alguns exclamam preocupados: “Mas tia Ju, você já é grande e adulto sabe tudo!!!”

Ah, pequeninos!!! Mal sabem que quanto mais estudamos, mais dúvidas vão surgindo… Que o conhecimento nos liberta da necessidade de sabermos tudo. Até porque, como eu sempre digo a eles: ninguém sabe tudo!!!

E como é tranquilizante sabermos que as pessoas podem errar, dizer que não sabem e aprender junto com a gente… Dizer “não sei” pode ser algo tão simples, tão comum, mas vivemos em uma sociedade em que a informação está na palma de nossas mãos. Entretanto, informação é diferente de conhecimento, quando aprendemos algo, fazemos conexões com conhecimentos prévios, relacionamos com nossas experiências, colocamos em prática, recebemos intervenção e orientação de outras pessoas… Tudo isso se faz bem diferente das informações que buscamos em sites de pesquisa. A informação é instantânea, o conhecimento é eterno.

Por este motivo, como adultos, quando desconhecemos algum assunto, precisamos treinar nossa relação com o “não sei”… As crianças precisam saber que nós não somos perfeitos, que erramos, cometemos enganos, ficamos confusos e inseguros, precisamos da ajuda de outras pessoas… Façam o teste: digam que não sabem algum assunto e virão o quanto as crianças são solidárias: elas nos explicarão com o maior prazer! São generosas, nos acolhem, explicam com paciência… Será que estamos fazendo o mesmo por elas?

Assessoria e correção do texto – Luciane Maceu

modaestilo

3 comentários em “Se existem coisas que eu não sei? Sim!!! Muitas..

Deixe uma resposta